Nutrição, Estética e Beleza

Você já conhece o ômega 3? 

Hoje vamos falar sobre uma das gorduras boas que encontramos na natureza. Esse ácido graxo é fundamental para o bom funcionamento do organismo, pois atua em diferentes áreas do corpo humano. Entre suas ações, o ômega 3 age diretamente na prevenção e na sustentação da qualidade da pele, uma vez que conta com ação anti-inflamatória, ajudando no combate ao envelhecimento precoce e no aparecimento de rugas e marcas/linhas de expressão.

Essa gordura positiva é encontrada prioritariamente em peixes de mar (como salmão, atum e sardinha) e sementes (como linhaça e chia). Ainda é possível encontrar a substância em formato de cápsulas. 

Seja em formato de alimento, quanto de remédio, o ômega 3 aparece em três formatos: ácido docosahexaenoico (DHA), ácido eicosapentaenoico (EPA) e o ácido alfa-linolênico (ALA). Por não possuir saturação em nenhuma das estruturas, a gordura não tem ação de obstrução dos vasos sanguíneos – como acontece com as demais gorduras encontradas no cotidiano.

Conheça os benefícios do ômega 3 para a pele

Pesquisas científicas mostram a proteção contra raios ultravioleta

Segundo um estudo desenvolvido pela Universidade de Oxford, na Inglaterra, a união de dois tipos de DHA e EPA pode reduzir a sensibilidade aos raios ultravioletas. Na amostra, coletada pela instituição inglesa, os participantes que estiveram em contato com cápsulas de quatro gramas de EPA, por três meses, tiveram um aumento de 136% em relação a sua resistência a queimaduras solares.

Outro estudo desenvolvido na Universidade de Catania, na Itália, demonstrou que o grupo de estudo diminuiu em 25% a vermelhidão no corpo ao aplicar óleo de sardinha – rico em EPA e DHA. 

Prevenção contra acne e cravos

O ômega 3 também age como prevenção à pele. Uma dieta composta por alimentos ricos na proteína pode ajudar na hidratação da pele, assim como no combate a malefícios estéticos, como acnes, cravos e espinhas. A gordura também possui propriedades anti-inflamatórias. 

Por conta da hidratação e do poder de anti-inflamação, o ômega 3 também é uma poderosa substância para a diminuição das áreas de vermelhidão do corpo, de rugas e também da perda de tônus. 

Confira a quantidade de ômega 3 por faixa etária

Crianças

O cérebro humano é um dos principais consumidores de ômega 3. Por conta disso, a gordura é utilizada em grande quantidade durante a infância – período das primeiras conexões dos neurotransmissores. O consumo também auxilia em problemas como déficit de atenção e hiperatividade, assim como no desenvolvimento psicomotor e coordenação.

Adultos

Na fase adulta, age principalmente em ação anti-inflamatória e na redução de gorduras ruins, como LDL e triglicerídeos. Também age no sistema nervoso central, assim como em receptores hormonais e na transmissão entre os neurotransmissores.

Idosos

Nessa fase da vida, o ômega 3 assume papel importante na prevenção de doenças, como o Alzheimer. Além disso, a substância também auxilia em problemas por conta do envelhecimento do organismo, como sarcopenia, a perda de massa e de força na musculatura esquelética se associado às vitaminas D3 e às do complexo B.

Veja os alimentos que possuem ômega 3

  • Sardinha – 0,25 g 
  • Arenque – 2 g 
  • Cavalinha – 1,2 g 
  • Anchova – 1,2 g 
  • Salmão – 2,8 g 
  • Truta – 1 g 
  • Atum – 0,5 g 
  • Ostras – 0,85 g 
  • Sementes de chia – 18 g 
  • Sementes de linhaça – 19,8 g 
  • Óleo de linhaça prensado a frio – 60 g 
  • Óleo de soja prensado a frio – 7,6 g 
  • Óleo de canola prensado a frio – 6,78 g 
  • Nozes – 8,82 g

Recomendamos para você

        Innutri Colágeno C + Mineirais

                   Innutri Mellanmax

                    Innutri Licopeno